Unic é condenada a indenizar ex-aluno por cobrança indevida

A Universidade de Cuiabá (Unic) terá de indenizar um ex-aluno, por danos morais, em R$ 6,5 mil ao ter incluído o CPF do acadêmico, nos órgãos de proteção ao crédito (SPC e Serasa).

Consta na Ação, que o ex-aluno teria concluído o curso de Logística, em 2013, mas devido a problemas no sistema da Instituição, só pode colar grau em agosto de 2014. O aluno declara ainda, ter utilizado o financiamento estudantil (FIES) para ingressar ao curso e que todos os repasses foram realizados à Universidade, devidamente comprovados por meio de extratos, vinculados ao Fies.

A Unic, se defendeu, afirmando que o ex-aluno devia a contratação de um semestre extra, porém a juíza, Olinda de Quadros Castrillon, da 10º Vara Cível de Cuiabá, condenou o réu em 18 de julho, alegando não terem provas suficientes, para atestar a contratação de mais um período pelo acadêmico.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar